Verduras de outono

0

O outono traz consigo os primeiros dias mais frescos e o cultivo de novos vegetais e verduras. Uma das melhores formas de fortalecer o nosso sistema imunológico é consumir as verduras da época. Juntamos o útil ao agradável: consumimos as verduras mais frescas, naturais e mais ricas em nutrientes (por serem da própria estação) e reforçamos a nossa saúde!

É importante salientar que para conseguir obter por completo os benefícios dos vegetais devemos pretar atenção à sua sazonalidade. As verduras da época são garantidamente mais saborosas e completas a nível nutricional.

Mas, quais serão os melhores vegetais de outono? De seguida, encontras cinco verduras típicas desta estação.

Couve-flor

A couve-flor é uma grande fonte de minerais, como magnésio, cálcio e potássio. Para além disso, contém vitamina C e fibra.  Esta couve é ideal para quem deseja evitar os alimentos com mais gordura, pois praticamente não contém gordura. A gordura que contém provém de gorduras insaturadas e ómega-3.

Normalmente a couve-flor é branca, diferenciando-se, por isso, do verde vibrante das outras couves. A maioria das pessoas come as cabeças da couve-flor, mas também é possível usar o caule a as folhas de forma adicionar um sabor extra às nossas sopas.

Bróculos

Devido seu elevado conteúdo de vitamina C e em betacarotenos, os bróculos podem ser muito benéficos para o organismo. Uma vez dentro do organismo, os betacarotenos transformam-se em vitamina A,  atuando como um potente antioxidante. Os bróculos para além de terem propriedades anti-inflamatórias, são ricos em fibras, facilitando a digestão.

Alguns estudos comprovaram que o consumo de bróculos pode diminuir o risco de alguns tipos de cancro, como o cancro do pulmão. Por também serem uma excelente fonte de ácido fólico o seu consumo é ainda recomendado durante a gravidez.

A melhor forma de preservar todas as vitaminas e minerais deste vegetal altamente nutritivo é cozinhá-lo a vapor.



Feijão-verde

Quais os legumes com menos calorias? É uma pergunta colocada por muitos, principalmente por quem deseja adotar uma dieta para emagrecer. Pois bem, o feijão-verde é um legume com baixo teor em calorias e gordura e que não contém colesterol.

O feijão-verde atua na eliminação de líquidos e, por isso, é benéfico para quem sofre de gota ou hipertensão arterial. Por outro lado, ao conter vitamina C e antioxidantes ajudar a manter as células jovens e a evitar o envelhecimento precoce.

Um conselho: ao comprar feijão-verde devemos evitar os grãos que estão mais frágeis e escolher os grãos firmes e brilhantes.

Repolho

O repolho é rico em vitaminas B e C e, por isso, é eficaz no que toca ao tratamento de constipações e outras doenças. Alguns estudos indicam que este vegetal é benéfico para o funcionamento intestinal, devido à presença de vitamina U, uma vitamina importante para curar úlceras gástricas e outros problemas do intestino.

Resta salientar que o repolho quando é consumido cru tem um sabor um pouco picante, no entanto quando é cozido apresenta um sabor doce.

Agrião

O agrião é muito usado em saladas e é rico em diversos nutrientes. Este pode oferecer diferentes benefícios, ajudando, por exemplo, a reforçar a imunidade e a combater a anemia.  Possui propriedades que ajudam a tratar doenças do sistema respiratório, tendo também uma ação expectorante, descongestionante e anti-inflamatória.

O agrião pode ser consumido de diversas formas: cru, em saladas, ou cozido. Quando colocado nas sopas e em outros pratos oferece um sabor ligeiramente apimentado.

No comments

Benefícios da Dieta da Sopa

Antes de começar a dieta da sopa é importante estar ciente das vantagens e desvantagens para o organismo. O emagrecimento pode trazer algumas consequencias.